Honda CB 400

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Eu já corri numa. E perdi. Cquote2.png
Alexandre Barros sobre Honda CB 400
Cquote1.png Meu sonho! Cquote2.png
Motoboy sobre Honda CB 400

A Honda CB 400 é uma moto de média cilindrada (400 cc), feita para os que amam realmente motos. Se trata de um marco no motociclismo no Brasil. Ela foi um divisor de águas. Lançada em 1980, com porte imponente e linhas bem desenhadas , com vários cromados, amplo tanque de combustível e, infelizmente, motor com injeção por carburador e partida a pedal.

Motor

Uma CG mais potente
Não se engane! Ainda é uma CB 400.

O forte da CB era o desempenho. O motor de dois cilindros rendia quase 0,4 cv a 99.500 rpm, superavando em mais de 10% as pequenas motos do Brasil na época do lançamento. A velocidade máxima era próxima a 100 km/h e aceleração de 0 a 100 km/h em cerca de 5 minutos.

Devido ao seu centro de gravidade alto, esse mito das duas rodas levou milhares de proprietários ao chão quando esses estavam quase parados. Os mesmos, como bons babões, ficavam com pena da moto e arrumavam desculpas esfarrapadas para a queda, como uma formiga gigante na pista ou a tradicional "Nem vi o buraco".

Evolução

Como evolução, a CB deu origem à CB 450, e esta por sua vez à super absurda esportiva CBR 450 SR carenagem. Nos anos 90, foi lançada no Brasil a CB 500, nada mais do que uma com motor de 500cc e uma estabilidade fantástica, que levou milhares de pilotos ao chão por causa da tendência ao Kick-Back.

Atualmente temos a CB 600 Hornet que custa mais que um carro. Por cerca de R$ 30.000000,00 a mesma vem equipada com o que há de mais moderno em tecnologia de ponta, alimentação por carburador e ignição por pedal.

Dado Dolabella diz que este artigo é um esboço que traiu o movimento punk.
Faça que nem o João Gordo e mande-o SUMIR DAQUI!
v d e h
*Automóveis, atropelamento e fuga