Hudson Soft

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
I-70.svg Este artigo discute coisas intrínsecas aos anos 70's!

Portanto, ele se refere às coisas daquela época, como ABBA, Village People e os Bee Gees.

Hudson Soft faliu!
Graficozero.JPG Nem o BNDES quita suas dívidas!

Veja outros que ficaram no vermelho.


Cquote1.svg Você quis dizer: Empresa da Abelha punheteira bochechuda Cquote2.svg
Google sobre Hudson Soft

Dentro da sede ha Hudson.

Hudson Soft foi uma empresa de festas clandestinas e barraco de rua, que veio da caravana de Sapporo, Nippon e que criava jogos e bobagens para festas de halloween. Devido a perda de neurônios, andou igual uma barata tonta e foi engolida pela Konami durante o fim do mundo. Idealizada e inventada pelo seu Kumyama, Hudson Soft foi responsável por criar as séries de jogos mais fdp que já existiram, destruindo amizades coloriadas e botando fogo no circo. Começando em 1985 com Bomberman, estrelado por um homem bomba que veio diretamente das arábias para explodir na sua cara; Adventure Island, jogo pré-histórico que contava a história de um homem bêbado em dia de acasalamento; Bloody Roar, briga de cachorro grande, aqueles típicos jogos de engolir sapo; Bonk, jogo de um muleque careca que arruma sarna pra se coçar; Além da famosa festa da fuleragem com Mario e seus anões na Orgia do Mario.

A mascote.

A famosa abelha que aparece no seu logotipo não tem nome, apenas conhecida como abelha da Hudson. A abelha tem olhos esbugalhados, bigode de gato e um rabo de porco. Essa aberração foi criada por Dan & Jason (provavelmente dois irmãos).

História[editar]

Origem[editar]

Maria Fumaça vindo a óbito.

Hudson Soft foi fundada em 1972 pelos irmãos Kumyama e Sentaki. O nome da empresa se dá, por que quando muleques, sempre batiam uma num trem preto da marca Hudson ao voltar para casa da escola, a paixão pelos trens se tornou obsoleta e doentio. Devido a doença de enrabar trens as 5 da tarde, os pais deles pais proibiram-os de tal ato e agora estavam sujeitos a ter que aprender os ensinamentos dos tentáculos de seu pai. Anos depois (depois da morte dos velhos, claro), os irmãos compraram o comboio Hudson e a nomearam de Maria Fumaça. O trem esteve em funcionamento dentro da sede da Hudson Soft levando os funcionários para o cu do mundo, até que um dia ela quis de suicidar pulando para fora do prédio.

Durante seus primeiros anos, a empresa fazia de tudo um pouco, pois nem seu fundadores sabiam para que a empresa existia. Os irmãos piraram na batatinha em 1975 quando viram pela primeira vez um computador pessoal, o bicho virtual exalava radiação e por isso os irmãos ficaram lé lé da cuca, voltando a ser crianças irritantes.

De brinquedos a videogames[editar]

Hundson apreciando o artigo.

Nesse momento a empresa começou a fazer brinquedos. O primeiro produto foi um pula-pirata humano inventado com colaboração de Chico Buarque, que na época não parecia uma múmia viva e ainda sabia pensar. O pula-pirata foi um verdadeiro fracasso o que fez na teoria a empresa falir, só não faliu por que os donos imprimiram mais dinheiro do que Brasília e reverteram a situação inventando um novo produto, o lança-varetas, que servia para perfurar o olho ou o cu dos seus amiguinhos, o verdadeiro brinquedo da criançada.

Já em 1980, os irmãos já com 200 anos de idade, se achavam os gurus da tecnologia. Dentre as diversas invenções, o mais marcante foi o robô explode-coração, um tipo de marca-passo que ao invés de marcar os paços, marcava os minutos para explodir o indivíduo. Essas invenções se formaram o que hoje se chama Organizações Tabajara.

Durante toda a década de 1980, os irmãos apenas investiram 1,99 reais em jogos de videogame, faturando mais que Bill Gates em toda a sua vida de nerd.

Videogames[editar]

Típico jogo lançado pela Hudson nos anos 80.

Segundo a paródia da Desciclopédia, a Wikipédia que trás informações nada informativas e nada confiáveis, diz que a Hudson Soft lançava pelo menos 30 jogos por mês para esses computadores brancos de tubo, provavelmente da fabricante Apple. No entanto, e por incrível que pareça isso era verdade, porém seus jogos não passavam de jogos flash.

Toda essa precariedade mudou quando em 1983, quando a Nintendo lançou o Famicom System, um computador vermelho que parecia uma caixa de bombom, assim chamaria a atenção de qualquer gordo. A Hudson então fez uma parceria com a grande vermelha e virou um verdadeiro baba ovo da Big N.

O primeiro jogo bom da Hudson foi Lode Runner, um típico jogo de subir e descer escadas e que faturou mais de um milhão de barras de ouro. Depois de lançar mais alguns jogos do tipo, a empresa ficou conhecida como Hudson Soft Co. em 1985, e agora lançaria jogos para o ocidente e aí começa a cagada, pois os americanos são muito puxa-sacos da Hudson.

Bomberman e o resto[editar]

Bomberman no seu auge.

No final de 1985, Bomberman foi lançado, um jogo que se espelhava na cultura bombástica do mundo árabe, e como não podia ser menos, Bomberman foi um BOOM de vendas, sendo considerado o primeiro jogo de filhadaputismo de todos os tempos.

Em 1987, a Hudson sabendo da força dos seus jogos, começou a arquitetar um plano para dominar o mundo e estragar a amizade alhea através do entretenimento. O PC Engine, uma torradeira elétrica foi o primeiro console dela, porém foi descontinuada no ano seguinte e vendeu menos do que o Oculos Rift da Nintendo.

No PC Engine também conhecido como TurboGraxa-16, foram lançados muitos jogos, mas os mais famosos ficaram com Bonk, o menino careca; e por versões de Bomberman chingling, além disso tiveram muitos jogos de navinhas e plataforma que continham níveis elevados de LSD.

No Super Nintendo, a única coisa relevante foi a sub-série Super Bomberman, que tiveram 5 jogos de pura encheção de linguiça. Todavia, sempre existe um ano que é o ano em que as empresas decidem lançar trocentos jogos de uma vez só, e esse ano foi 1997, conhecido como o ano do B. Nele foi lançado o Super Bomberman 5, Bomberman 64, Pocket Bomberman e Bloody Roar.

Mario Party e o Bacanal[editar]

Mario Party resumidamente.

Em 1997, a Nintendo deu à Hudson os direitos de ver Mario e sua turma pelados pela primeira vez. Para inovar, a empresa criou o bacanal do Mario, baseada nas festas dionisíacas da Grécia Antiga, na qual eram todas voltadas para o público safado e tarado. Então, o ano seguinte é lançado o Mario Party, mais conhecido como Mario Orgy, que introduziu a mecânica de suruba ao mundo dos jogos, pois além de humanos, ele tinha um dinossauro, um macaco e uma puta, abraçando a bestialidade com pouquíssimo pudor. Para muitos esse é o primeiro jogo eletrônico de festa de todos, sendo considerado o melhor simulador de sexo até o lançamento de The Sims em 2000.

A partir daí, a Hudson trabalhou apenas com jogos de sexo, não com simuladores de sexo, mas com festas joviais e sempre com uma sacanagem nova. A série de Mario Party ganhou uma trilogia no Nintendo 64, na qual não dez tanta questão de inovar, até porque a melhor coisa do jogo era arrumar briga com seus miguxos por roubar uma estrela deles, afinal, uma boa festa tem que ter briga.

Outros jogos de mesmo estilo é o Sonic Shuffle e o Disney's Party, ambos uma cópia mal feita de Mario Party, porém para não ficar pra trás, o Mario Party também chegou ao cubinho mágico da Nintendo, lançado o Mario Party 4, 5, 6 e 7, trazendo personagens ainda mais bizarros como fungos ambulantes, fantasmas, travecos e caveiras. Ademais, a partir do MP6, o jogador poderia ter a experiência completa com um vibrador.

Apenas o Wii remote tem essas funcionalidades.

Para dizer que a Hudson não só fazia jogos de acasalamento. Praticamente em todos os consoles tinham um Bomberman, enquanto isso do outro lado da Nintendo, o PS2 tinha que se contentar com jogos de animes como Beyblade e Bobobo-bo Bo-bobo.

Hudson na sétima geração e além[editar]

Fascinado com os fálicos controles de movimento, a Hudson não esperou uma para fazer um novo Mario Party, agora para o Wii. Também devido ao sucesso de Wii Sports, foi lançado o Deca Sports, a mesma bosta. Além, claro de outros jogos party, como Tetris Party e o Pac-Man Party que por algum motivo foi feito pela Namco. Já no Nintendo DS, apenas bomberman e um Mario Party (de novo).

Seus últimos jogos foram lançados em 2011 e não passam de clones de Bomberman e jogos japoneses bizarros. Devido a sua safadeza e taradice extrema, a Konami resolveu dar uma coça na Hudson, prendendo-o num quartinho escuro. Hoje a Konami que tem os direitos dos jogos da Hudson, apenas lança ports e nenhuma série até hoje foi realmente revivida.

v d e h
HUDSON SOFT
Enjoy Hudson!