Igreja de Wies

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bismarckpre.jpg Desciclopëdia über alles in der welt!!!

Estä arrtigö é alemon! Issö querr düzerr que seu autorr suschtenta ö gerraçon interra com bratwurst e sauerkraut, serrvidös porr uma fräulein . Non faça scheiße, öu te porremos de quatrro nö cörredorr polonës.

Este artigo é um
Patrimônio Mundial da Humanidade.

Pode ser uma ruína, uma cidade
de merda, um matagal abandonado,
mas está protegido!

World Heritage Site logo.png

Leitura recomendada apenas para
pessoas com cultura.

A UNESCO monitora este artigo.


Cquote1.png Eu vi Cirsto chorar lá, ele não é cabra macho Cquote2.png
Alguém sobre Igreja de Wies
Cquote1.png Andei um monte de quilômetros para chegar aqui. E o que eu faço agora? Cquote2.png
Peregrino sobre Igreja de Wies
Cquote1.png Eu não chorei não, os trutas sabem disso Cquote2.png
Jesus Negão sobre Igreja de Wies

A Igreja de Peregrinação de Wies é uma igreja grande pra caramba, que é visitada todos os anos por zilhões de pessoas do mundo todo, que deixam de comer apenas para pagar a viagem para igreja, sendo que existem igrejas em locais muito mais próximos (burros). Essa igreja atrai um monte de gente porque a propaganda diz que a imagem de cristo dentro de Wies pode dar superpoderes às pessoas que chegarem perto dela.

História[editar]

O local aonde a "santa" imagem de Jesus Negão atrai milhares de desocupados.

Tudo começou quando umas crianças sem ter o que fazer apostaram para ver quem andasse desnecessariamente até lugar nenhum. No meio da competição, viram um negócio, que era uma estátua de Jesus Negão. Essa estátua estava no chão para secar, pois fora lavada em um rio por uma pessoa. Como ela havia sido lavada recentemente, ainda estava molhada, tendo umas gotas de água escorrendo na estátua. Como eram muito burras, não pensaram que as gotas de água era porque a estátua foi lavada no rio.

Usando a imaginação fértil, elas imaginaram que Jesus Negão estava chorando porque algo havia acontecido com os mano. Os guris roubaram a estátua e ainda disseram que viram a imagem chorando. Os adultos foram mais burros ainda e acreditaram na história.

Logo o boato foi se espalhando, e cada vez mais otários acreditavam na história fajuta. Muitos iam ver a estátua, o que a valorizou. Consequentemente, muitos ladrões tentaram roubar a imagem do Jesus Negão. Portanto, os caras precisavam construir algo para proteger a estátua.

No início pensaram em montar uma barraca, mas ela seria um abrigo muito tosco. Mesmo sem dinheiro para financiar a construção, decidiram fazer uma igreja. Chamaram um arquiteto e o botaram para fazer a igreja. Enquanto isso, montaram uma barraca para proteger a estátua. Terminada a construção da igreja, colocaram a estátua dentro dela, e guardas armados para protegê-la.

Muitas pessoas, acreditando na baboseira, passaram a ir para Wies na esperança de ver Jesus Negão dando uma de emo e chorar como uma criança. O tal choro nunca viram, mas pessoas garantem terem se curado de doenças. Isso é por um motivo simples: Os doentes, deficientes e enfermos possuem um desconto para viajarem para Wies.

Então, alguns babacas se fingem de doentes apenas por causa do tal desconto. Quando chegam na Baviera, visitam a tal igreja, cansam de fingirem de doentes e vão para a Oktoberfest de Munique (que é bem pertinho) aproveitar a cerveja e algumas loiras; economizando dinheiro.

Os organizadores da peregrinação sabem disso, mas nem se importam, pois a tal "cura" garante publicidade para a peregrinação. A Igreja de Wies foi considerada pela UNESCO como patrimônio mundial por ter enganado muita gente.