Jainossauro

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
441-IndianElephant.jpg नमस्ते!

Este artigo é indiano, tic! Anda de elefante, joga cricket, é vegano, fala um inglês horrível, trabalha em um call center e adora incenso! Se vandalizar este artigo ou for paquistanês, você será incinerado pelas chamas de Agni! E nunca toque num Dalit!

Cloudman.gif


Cquote1.png Você quis dizer: Jailsonssauro Cquote2.png
Google sobre Jainossauro
Cquote1.png Ai que delícia porra! Cquote2.png
Jainossauro sobre qualquer coisa
Cquote1.png Dexa um oco no teu rabo. Cquote2.png
Tarbossauro sobre Jainossauro
Cquote1.png Pare de piadas sem-graça do Pai de Família Cquote2.png
Qualquer um com bom senso sobre citações acima
Cquote1.png NÃO! Cquote2.png
Autor sobre citação acima

O oco que Paul Guinea deixou na terra

O Jainossauro foi um tipo de titanossauro grande, manso e peludo que viveu nos últimos momentos do cretáceo, a alguns trocentos milhões de anos atrás. Pouco se sabe sobre essa misteriosa espécime gigante de classificação Sauropodomorpha que perambulava pelos vales da Índia enquanto comia vegetações altas de araucárias indianas, mas mesmo assim, se tem uma prévia de como essa delícia espécie era: grande, gordo, pescoçudo e tesudo.

Descoberta[editar]

Foi achado por Paul Guinea, enquanto o mesmo estava de férias na Índia, em 1920 e viu um monte de buracos no chão, com uma tenda de paleontólogos ao lado. Encalhado, Paul não resistiu e meteu em um dos buracos, até que sua anaconda fisgou um osso, o que causou uma dor enorme em Paul, fazendo-o parar no hospital. O osso era de um Jainossauro de meia-idade, que um dos paleontólogos catalogou enquanto tomava suco de laranja Tang. Mas, naquela época, ele ainda se chamava Antarticossauro, como o nome não era delicioso e ele nem vivia na Antártica, então Kauan Mecânico resolveu mudar seu nome para Jailsonssauro, em homenagem a seu amigo colorido Jailson Mendes, mas Kauan era analfabeto e acabou escrevendo Jainossauro, e deu no que deu.

Ai que cusão gostoso!

Vida no cretáceo[editar]

A vida de uma delícia em tempos dinossauríficos não era fácil: era estuprado por diversos outros dinossauros indianos e abusado também por paquistaneses, nepalenses e butaneses (mas bem que ele gostava). Assim, os jainossauros se mudaram pra um lugar mais calmo e deserto, a Mongólia, mas aí foram estuprados por velociraptores, tarbossauros, oviraptores, achillobatores, gigantoraptores e muitos outros. Cansados de serem abusados, começaram a trabalhar com isso, fundando a primeira empresa de prostituição da história: Jailson's Bitch Enterprises. A grana até que rendeu, mas a famosa extinção do asteroide filho da puta estava a dois dias de se concluir, acabando com os resquícios do que já foi uma casa de profissionais do sequiçu.

Extinção[editar]

O Dia D deles foi uma correria só: o jainossauro-mor (o que deu mais o cu nos últimos dois dias) queria salvar o puteiro e levar ele até o subterrâneo, mas os outros discordaram porque o subterrâneo não era chique, nem fashion e não dava tesão nenhum. Então ficaram todos lá na confusão, esperando o asteroide vir e deixar um oco na Terra. E foi o que aconteceu: todos os jainossauros ali presentes morreram... menos um, que conseguiu sobreviver mais 65 milhões de anos e adivinha quem é... NINGUÉM! Ele morreu mesmo, só tava brincando! Engraçado né? Não, ok.