Josh Peck

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Matisyahu20.jpg Cadê o moedinha?

Este artigo é judeu! Ele odeia palestinos, foi escolhido por Javé e não come camarão porque é caro e anti-kosher. O autor deste artigo provavelmente é contador e deve estar cuidando da lujinha.

Joshua Michael Peck
Qlzsi.jpg
Sim, é aquele gordo do Drake e Josh
Nascimento 10 de novembro de 1986
Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Ocupação Palhaço
Altura 1,83
Signo Escorpião

Cquote1.png Você quis dizer: JonTron Cquote2.png
Google sobre Josh Peck quando era gordo

Josh "Nichols" Peck é um ator, cineasta, dublador, humorista e sabe-se lá o que mais. Apesar de tantas profissões ligadas diretamente à mídia, sua fama veio mesmo por ter emagrecido mais de 8000 quilos ao longo da carreira.

História[editar]

Peck atualmente, pagando de gostosão para impressionar suas fãs.

Nasceu em Nova York, sendo filho de uma prostituta que batia ponto nas ruas escuras de Manhattan. Ao descobrir que estava grávida, sua mãe decidiu largar a profissão de puta e dedicar seu tempo ao filho que estava prestes a nascer. Para tanto, ela converteu-se ao judaísmo para aprender a sovinar poupar dinheiro e ter o suficiente para gastar futuramente com a educação de Peck. Após seu nascimento, ele nunca soube do passado obscuro de sua progenitora, que inventou uma série de mentiras sem nexo para justificar a suposta ausência de seu pai, que na verdade nem ela sabia quem era. Logo, Peck cresceu acreditando que seus pais se divorciaram antes mesmo de sua existência.

Durante a infância, foi diagnosticado com asma e usava a doença como justificativa para faltar à escola e poder ficar dormindo em casa até mais tarde. Como estudar é praticamente a única responsabilidade que cabe a uma criança, Peck tornou-se um moleque preguiçoso e mimado, que só queria saber de assistir seriados antigos na televisão enquanto comia porcarias. Como resultado, aos poucos ele foi engordando cada vez mais, até ultrapassar a barreira dos quilogramas e chegar a pesar toneladas. Cansada de ter que sustentar aquele parasita mirim obeso, sua mãe obrigou-o a procurar um emprego.

Com apenas oito anos de idade, Peck decidiu tentar a sorte com a comédia stand-up. Obviamente, todas as suas piadas eram completamente sem graça, mas por ser gordo acabava conseguindo arrancar várias risadas da plateia. Um tanto irônico isso, já que nos Estados Unidos praticamente toda a população local é formada por obesos sedentários que são clientes assíduos do McDonald's, mas como Peck era um guri retardado, a situação acabava ficando cômica, pois frequentemente ele também sofria de ataques respiratórios por causa da asma e passava mal durante os shows, gerando cenas fortemente deprimentes e constrangedoras. Em uma de suas apresentações, Peck conheceu Amanda Bynes, com quem fez amizade e perdeu a virgindade após estuprá-la. Durante o estupro, fez questão de registrar aquele momento único com uma TekPix para depois postar as imagens em todas as redes sociais possíveis. Afinal, não é sempre que um babaca gordo tem a chance de comer uma gostosa. Como era contratada da Nickelodeon e musa do público infantil, Bynes implorou para que ele não divulgasse o material em troca de trabalhar do seu lado como figurante em seu programa televisivo. Peck aceitou, desde que o salário fosse pago em coxinhas.

Carreira[editar]

Em 2000, Peck estreou na televisão interpretando diversos personagens aleatórios que serviam apenas para encher linguiça no programa O Show da Amanda, cuja protagonista era sua já citada miguxa Amanda Bynes. Nesta mesma série, ele conheceu Drake Bell, com quem futuramente viria a protagonizar uma sitcom naquele mesmo canal, a Nickelodeon. Assim, em 2004 começaria sua atuação em Drake e Josh, série que também ajudou a revelar a gostosinha Miranda Cosgrove.

Amizade eterna com Drake Bell[editar]

É... O mundo dá voltas!

Entre 2004 e 2008, Peck teve a oportunidade de atuar junto com Drake Bell na série criativamente intitulada Drake e Josh, onde enfim conseguiu evoluir de uma subcelebridade desconhecida para um comediante profissional. Mesmo estando agora famoso, Peck continuava sendo um completo loser, pois seu papel era basicamente o dele mesmo, um adolescente gordo com tendências bissexuais que vivia se dando mal, enquanto Bell interpretava seu irmão que era o completo oposto: um cara boa pinta que pegava todas e ainda por cima avacalhava o irmão. Logo, Peck tornou-se apenas uma sombra de Bell, pois em qualquer lugar que fosse, as pessoas o abordavam somente para fazer perguntas relacionadas ao colega de cena galã.

Não bastando ser ofuscado em sua própria série, Peck ainda era obrigado a sofrer com bullying por causa de sua obesidade, enquanto Bell além de ter um corpo sarado também sabia cantar e tocar guitarra, deixando-o mais patético ainda do que já era. Cansado de ser tão esculachado por todo mundo, o então gordinho ator resolveu emagrecer e mudar de vida radicalmente. Como era muito difícil se livrar dos maus hábitos alimentares, ele simplesmente continuou devorando tudo que via pela frente, mas depois vomitava, evitando assim que a comida se alojasse no estômago e fosse convertida em gordura. Com esta maravilhosa dieta bulímica, Peck conseguiu e chegar ao peso ideal e ainda por cima ficou mais gato que Bell! Infelizmente, as piadas sobre gordo foram trocadas por piadas sobre o tamanho da cabeça de Peck, isso porque a dieta bulímica deu resultado tão rápido que não deu tempo da cabeça emagrecer junto.

Nas últimas temporadas de Drake e Josh, Peck foi quase demitido por estar magro demais e não combinar mais com seu personagem. Em compensação, passou a ser convidado para estampar capas e pôsteres de revistas dedicadas a gurias retardadas, entre as quais agora ele fazia muito sucesso. Logo, ele mandou um enorme foda-se para toda a produção do programa e abandonou as gravações, obrigando os produtores a cancelarem sua exibição. Embora depois tenha feito algumas participações em Brilhante Victoria e iCarly, Peck largou mão da Nickelodeon e atualmente está mais dedicado à dublagem. Tanto sacrifício para emagrecer para acabar escolhendo um trabalho em que nem aparece fisicamente, vai entender!