LucasArts

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
USB logo.png In Trump We Tru$t!

Este artigo é gringo! Ele usa eletrônicos da Apple, tem um Chrysler poluidor, não joga futebol e acha que é privilegiado..

Título do linkCquote1.png Você quis dizer: Jogos de Star Wars Cquote2.png
Google sobre LucasArts
Cquote1.png Que a Força esteja com você. Cquote2.png
Mestre Yoda sobre LucasArts
LucasArts é uma empresa fabricante de todo lixo imaginável de Star Wars para video-games, visando lucro pela quantidade de jogos e não por sua qualidade, criada por George Lucas, e vendida para Mickey Mouse em 2012.

História[editar]

Esta gloriosa empresa foi fundada em 1982 quando George Lucas que estava podre de rico depois de lançar seus filmes de Star Wars e Indiana Jones, não sabia onde enfiar tanta grana e decidiu financiar um grupo de 10 nerds a criarem jogos medíocres de aventura. Ainda sem personalidade própria a Lucas Arts em seus primórdios chegou até a lançar jogos de tiro, como Battlehawks, mas na época nada barrava Doom, e a falência batia à porta da empresa que não conseguia emplacar nenhum título sequer.

No seu auge da LucasArts, os fãs se matariam na porrada por um desses.

Em 1993 George Lucas descobriu que sua trilogia infanto-juvenil Star Wars, mesmo depois de 30 anos após o lançamento dos filmes continuava fazendo estrondoso sucesso, uma vez que a indústria do entretenimento se tornava cada vez mais ineficaz em produzir produtos com originalidade e conteúdos com alto teor nerd, tipo uma galáxia fictícia inteira, logo foram feitos jogos de Star Wars, e a ordem foi de que fosse lançado pelo menos 3 jogos de Star Wars por ano, o resultado foram games geniais como Star Wars: Yoda Stories e Star Wars: Episode I: Battle for Naboo. Depois disso foram também feitos uns 30 jogos de Indiana Jones e depois o lançamentos de títulos desses passaram a ser anuais, sem contar os Indiana Jones de Lego.

Na década de 90 a LucasArts até tentou se aventurar em RPGs, lançando títulos como Monkey Island, Grim Fandango e Full Throttle ao estilo interativo e puzzle, onde os produtores conseguiram quebrar a monotonia da jogabilidade extremamente sem graça desse tipo de jogo colocando nas histórias fortes cargas humorísticas.

Mas após 2000, a LucasArts focou-se em lançar só jogos de Star Wars, por mais podres que fossem, por mais bizarro que ficasse no Kinect do Xbox 360 ou por mais bugado que ficasse no PlayStation 3 ou por mais travado que ficasse no PC. Como fã de Star Wars já sofreu lavagem cerebral mesmo, comprará estes jogos da mesma maneira e ainda ficará todo feliz.

Mas chega uma hora que o velho cansa, em 2012 a LucasArts foi vendida para a Disney, embora todos seus funcionários foram mantidos em suas salas especiais repletas de Nintendo 64 para onde lançaram seus melhores jogos na época da Factor 5. A diferença é que agora eles não podem colocar mais sangue.

Jogos[editar]