Nomi no Sukune

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Nomi, antes da operação de redução de estômago

Nomi no Sukune (野見 宿禰) foi um famoso lutador de sumô na era do Imperador Suinin.

Biografia[editar]

Logo na infância, era vítima do preconceito por parte de seus coleguinhas na sala de aula por ter ossos largos, como você.

Mesmo sendo vítima de bullying, recebendo constantemente diversos apelidos, tais como gordinho, gordo, bolinho de arroz, bolinho de peixe, rolha de poço entre outros, acabou engordando mais ainda conforme o tempo. E aprendeu que seu peso poderia servir para algo, quando um pirralho o chamou de baleia no colégio, e ele literalmente caiu em cima do mesmo, rolando juntos pela escada. Nunca mais se ouviu falar dele.

Com o passar do tempo, seus pais chegaram à conclusão de que ele tinha duas alternativas para o futuro: ou ele entrava para o circo e virava o palhaço ou o vendedor de pipoca de soja, ou virava gerente de algo (pois todo gerente é gordo), ou participaria de alguma coisa na história do Japão.

Ele preferiu a última alternativa, mas iniciou de forma pacata. Primeiro, começou a lutar em uma academia local. Como ele não conseguia lutar karatê, nem judô, nem porra nenhuma, ele apenas se agarrava ao oponente e tentava o derrubar com seu peso. E assim nascia o sumô.

Depois que o esporte foi inventado, os lutadores de sumô passaram a ser usados em batalhas, no lugar de elefantes de guerra e baleias de guerra. Foi assim que ele conseguiu destruir a proteção do front inimigo, rolando ladeira a baixo, exterminando o lutador de sumô do inimigo, Taima no Kehaya, e ainda por cima matando todo mundo, literalmente tal como um rolo compressor.

Ele, depois da dita operação de redução de estômago.

Dezessete anos depois, Sukune teve que participar de uma operação de redução de estômago, já que estava chegando à uma tonelada de peso, e isto faria Honshu afundar tal como ocorreu com Atlântida séculos antes.