Pinterest

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Images2332.jpg

Este artigo é sobre mais um daqueles trecos que viraram modinhas na internet.
E as pessoas nem sabem porque usam isso.


Pinterest (do inglês: Pinto ereto ou literalmente "meu pinto é igual o Monte Everest") é uma rede social inútil que virou modinha e serve para patricinhas sem o que fazer ficarem postando fotos de roupas, de comida, de maquiagens e principalmente de machos.

História[editar]

P de Piroca, que é o que as usuárias mal comidas desse site precisam.
Típica usuária do Pinterest.

O Pinterest é um site de compartilhamento de imagens criado por um cara chamado Ben Silbermann que é tão parecido com quase todos os outros sites de compartilhamentos de imagens que ninguém sabe do que ele se trata ou para que ele serve exatamente. Aparentemente essa coisa só serve para ser uma extensão do Facebook e um plágio descarado e mal feito do Instagram.

O site era tão ruim e confuso que nem o próprio criador esperava que ele ia fazer sucesso, sendo que os primeiros 5.000 usuários tinham sido forçados a usar a rede social para ver se eles conseguiam pescar outros usuários curiosos ao redor da internet. Silbermann e os desenvolvedores operaram o site enquanto faziam suruba em um apartamento apertado.

O site ainda tem uma versão para celular e para iPad, isso porque a Apple não se importa com a nudez de adolescentes menores de idade que as vezes é postada frequentemente no site.

Usuários[editar]

O site é popular entre vadias mal comidas e gurias retardadas de todos os tipos. Elas ficam trocando fotos de roupas, maquiagens, frases de auto-ajuda e fotos de machos no site, ou seja, é como se fosse um salão de beleza virtual, onde as mulheres ficam paparicando sobre essas coisas inúteis enquanto pintam as unhas.

Os únicos usuários do sexo masculino que existem no site ou são gays afeminados ou são emos que ficam postando foto de maquiagens góticas, e isso não é uma piadinha clichê, se você entrar no site para conferir é exatamente isso que acontece.

Além desses, ainda tem um pequeno grupo formado por nerds, que frequentam o site em busca de imagens em estilo vintage, art nouveau ou déco; geralmente de animes, games, quadrinhos, filmes, fantasia, ficção científica ou outras virgindades com as quais pessoas normais jamais desperdiçariam seu tempo em pesquisar.

Uso[editar]

No Pinterest eles chamam as imagens de "Pintos", que são classificados em categorias, como natureza, lojas, moda e essas coisas de mulher. O curtir do Facebook nesse site se chama "Pin It", que serve para mostrar que você gostou da imagem.

O site acabou também virando uma vitrine de loja virtual, já que várias empresas capitalistas estão usando-o para divulgar seus produtos e incitar o consumismo nas adolescentes mimadas que usam o site.

A forma mais fácil de criar uma conta e ver as porcarias que são postadas no site é entrando com o Facebook, pois como já foi mencionado anteriormente, ele é praticamente uma extensão do Facebook.

Ver também[editar]