Piranha (filme)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Exorcista.jpg
Este artigo é sobre um filme de terror!

É melhor nem lê-lo, a menos que queira encontrar a menina do exorcista. Se vandalizar, a Samara virá te comer pegar daqui à 7 dias!
Leaotarado.jpg ANIMAAAAAAAL!!!

Este artigo trata de algum animal, ou alguém que pareça um animal, ou alguém com nome de animal, ou alguma bosta que te faz se sentir um animal, ou ainda um ANIMAL. Licenciado pela WWF.


Achou Tubarão um filme assustador? Saca aquele meme do "Ui que meda"? Surgiu após ver esse filme aqui...

Piranhas é um filme (ou melhor, uma série de filmes) de Natural Terror de 1978. Foi feito por um diretor aí de quinta chamado Joe Dante, que queria ser um Steven Spielberg da vida, zoando o clássico Tubarão de 1975. A história do filme, tal como a do tubarão está explícita no título do filme: falar sobre piranhas assassinas que comem pessoas de maneira destroçadora. Vieram uma sequência (Piranha II: The Spawning) e três remakes com o passar dos anos (ignorem o de 1995 e foquem-se nos Piranha 3D e Piranha 3DD), além de um feioso filme similar chamado Megapiranha que nada mais é que mais um daqueles filmes com versões gigantescas de animais. Enfim, é um filme para se assistir com os olhos bem fechados.

Sinopse[editar]

O exército ianque estava fazendo algumas experiências bizarras com piranhas para torná-las armas de guerra ainda mais devastadoras do que elas o são na natureza, mas algo sai errado e o cardume delas escapa do tanque para o mar, justamente na temporada de verão de 1978 em Long Beach, California. Quer dizer... foi num lago gigante. Eu tinha esquecido que piranha é bicho de água doce. Mas enfim, com uma festa aquática às portas, as danadinhas começam a devorar todo mundo que elas vêem pela frente. Agora o tempo é curto e a Sapucaí é grande demais para conseguir impedir que um desastre de grandes proporções possa fatiar todas as pessoas na festinha (e também fazer seus olhos saltarem das órbitas de tanto medinho).

Polêmica[editar]

Não sei por que chongas, mas esse filme foi acusado de plágio do "Tubarão". Como assim plágio, meu? Um tubarão e uma piranha são diferentes... um tubarão é um cara comedor, já a piranha é alguém que gosta de ser comida...

Assista se puder[editar]

Ver também[editar]

É melhor parar, porque está virando samba do criolo doido isso.