Pompoarismo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Definição e etimologia[editar]

Arte da tosa em Poodles e outros cachorros fofinhos.

O nome vem do francês pompom (1556), que significa 'floco de lã que serve de ornamento', ou então 'acessório de uniforme militar.

Poodle tosado sem a técnica do Pompoarismo

Desprezada por donos de gatos, a tosa é absolutamente essencial para o cachorro - notadamente os poodles. O pompoarismo proporciona maior harmonia estética, segurança, agilidade e facilidade de localização.


Origens biológicas[editar]

Segundo Charles Darwin, o Poodle é descendente direto dos grandes lobos do Hemisfério Norte. Quando ainda vivia em condições selvagens, o pompom no fim do rabo servia como uma "bandeira" para ser avistado pelos companheiros de matilha enquanto o Poodle mergulhava no fundo da água ou pra dentro de uma moitinha.

Mesmo os homens da caverna já adotavam o pompoarismo, pois assim podiam distinguir seus cãezinhos mais facilmente.

Biólogos acreditam que os Poodles foram naturalmente selecionados em vista de possuírem tal mecanismo para atrair o restante dos amiguinhos - e, assim, ficar protegidos do perigo.

Pompoaristas famosos[editar]

Os pompoaristas mais célebres até hoje são Marlene Mattos, Roberta Close, Xuxa, Léka (obviamente, grande percursora desta arte em terras tupiniquins) e Clodovil, sendo que este último inventou a técnica do "pompoarismo invertido" ou "espelhado" (aplicado ao lado contrário).

Rugal mandou uma cartinha para este artigo.
Gaste todas suas fichas para tentar derrotá-lo!