Rockeiro no ensino médio

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
ÒO..gif

Rockeiro no ensino médio é poser!

E acha que We Will Rock You é a única música de sucesso do Queen.

Lembre-o(a) que a maioria das músicas do Led Zeppelin são plágios.

Va-a-merda-porra Alborghetti.gif Este artigo pretende ser ofensivo!

Se você não se sentiu ofendido, edite-o até se ofender.

E se se sentiu ofendido, VÁ A MERDA, PORRA!!!

Cquote1.svg Você quis dizer: Desgosto de pais e professores Cquote2.svg
Google sobre Rockeiro no ensino médio
Cquote1.svg Você quis dizer: Vergonha da família Cquote2.svg
Google sobre Rockeiro no ensino médio
Cquote1.svg Você quis dizer: Aquele que se finge de bêbado, drogado ou Cult Cquote2.svg
Google sobre Rockeiro no ensino médio
Cquote1.svg Filho da puta! Cquote2.svg
tr00 sobre o rockeiro no ensino médio
Cquote1.svg Ai, meu Deus... onde foi que erramos? Cquote2.svg
Pai e Mãe do rockeiro no ensino médio
Cquote1.svg Hahahaha! Cquote2.svg
Colegas da escola sobre o rockeiro no ensino médio
Cquote1.svg Pelo menos não sou frcassado como o esquisto aí Cquote2.svg
Colegas da escola, mostrando a utilidade do rockeiro no ensino médio
Cquote1.svg Vocês me julgam por ser diferente... e eu rio de vocês por serem iguais! Cquote2.svg
Rockeiro no ensino médio que compartilhava frases bestas no Facebook sobre seus colegas
Cquote1.svg Não, é porque você é babaca mesmo! Cquote2.svg
Eu sobre frase acima
Cquote1.svg Esses moleques no Ensino Médio ainda não sabem de porra nenhuma!!! Precisam comer muito arroz com feijão ainda kkkkk São ainda muito café com leite kkkkkkk Cquote2.svg
Roqueiro veterano sobre o rockeiro no ensino médio
Cquote1.svg Se ele virar como você, estamos fudidos: mais um bobão na família pra sustentar. Cquote2.svg
Pai e Mãe do rockeiro no ensino médio sobre Roqueiro veterano acima

Típico rockeiro no ensino médio.

Um rockeiro no ensino médio é aquele moleque que se acha o ser mais evoluído da escola e do mundo por escutar rock, tendo de lembrar a cada 10 minutos isso, quando é só um zé ninguém desnutrido que as pessoas possuem pena. Nada mais que um poser, mas um só artigo não era o suficiente para demonstrar tamanha escrotice desse ser. Está presente em todas as escolas estaduais do país, e por mais que você chute uma árvore e caiam vinte como ele, ele sempre vai dizer que é o único e diferentão que sofre por não ser como os outros, mesmo que faça metade das coisas que os outros normalmente fazem, exceto sexo. Estudiosos tentam descobrir como se reproduzem, mas não chegam a um consenso. O rockeiro no ensino médio é o intermediário entre o emo e o tr00, porém não tão afrescalhado como um e nem tão fracassado como outro, embora tenda para um dos dois lados da balança (geralmente os dois). É um sujeito que causa enorme vergonha alheia, que atrai olhares do tipo "quem é o esquisito?", enquanto pensa que tá arrasando ao se vestir todo de preto no clima de 40 graus, feder e usar o cabelo de Roberto Carlos. Alegando superioridade, é superior só em ser bobo mesmo.

Origem[editar]

Acredita-se que de alguma forma infeliz esses seres foram introduzidos ao rock por meio das músicas clichês de rádio enquanto eram mais novinhos, ou assistiram o vídeo Rock Lee Vs Gaara Linkin Park. Desde então, deixaram seus cabelos crescerem (sem lavar ou pentear) e compraram a primeira camiseta do Metallica ou do Avenged Sevenfold, que viram em alguma lojinha por aí, ou uma camiseta do Ramones na Riachuelo, por vezes sem ao menos gostar de punk rock, além de terem bebido Toddynho sem agitar. A reprodução deles é incerta, objeto de estudo da ciência, e mesmo os melhores pesquisadores do universo não conseguem dizer como eles se multiplicam a cada dia que passa sendo que nem sexo fazem. As fêmeas parecem incapazes de gerir um bebê, talvez por falta de atitude dos machos e pelo interesse em outras fêmeas.

Como identificar um rockeiro no ensino médio[editar]

Rockeiros no ensino médio são todos iguais, todos, por mais que se considerem uma estrelinha única e mais brilhante que as outras. Vestem-se iguais, ouvem as mesmas bandas, conhecem as mesmas uma ou duas músicas dessas bandas e frequentam os mesmos lugares, geralmente pistas de skate e shoppings aos fins de semana. Não fumam maconha e nem bebem porque a mãe não deixa e não possuem coragem de fazê-los escondido, mas juram de pés juntos que são do mal.

Indumentário do macho. Sempre deve ser uma calça preta na falta de jeans, mesmo debaixo do sol do verão cearense.

Não é difícil reconhecer um desses seres, tanto o macho quanto a fêmea. Camisa de alguma banda famosa, como Metallica, Ramones, Nirvana ou Avenged Sevenfold, calças jeans rasgadas, algumas correntes, um colar de cruz e um tênis All-star são ITENS OBRIGATÓRIOS. Claro, é tudo preto. Sempre preto, ou senão, vermelho, roxo e até azul, mas misturado com preto. As fêmeas se vestem como a Avril Lavigne, a musa rockeira, mas há as que usam maquiagem mais pesada e roupas mais escuras, fãs de duas músicas do Nightwish que mal sabem dizer o nome. Ah, e claro: munhequeiras do Legião Urbana (?), Slipknot ou Metallica, ou bracelete de rebite. Não muito raro, usam alargadores daqueles que parecem bolachas (não biscoito!) Trakinas.

Indumentária da fêmea. A caveira é obrigatória como colar ou estampa de blusinha.

Andam em grupinhos, de cinco até trinta "pessoas". De longe, são reconhecíveis como uma grande mancha preta, graças às suas roupas trevosas. O mal cheiro também é um indicador de sua presença, embora esse seja mais notado de perto, especialmente nas axilas. O cabelo é bagunçado, já que a chapinha não aguenta o calor de 40º que os fazem suar feito porcos. No dia-a-dia, ou seja, na escola, estão afastados de todos, mais porque os outros (pessoas normais) decidiram se afastar do que eles. Um dia eles podem se reunir no palco para bater cabelo ao som de ruídos incompreensíveis, o que ocasiona forte constrangimento em quem está vendo, a famosa vergonha alheia, que já ocorria pela simples presença individual deles, só que agora de forma quintuplicada, quando as pessoas cobrem o rosto com a camisa e suplicam interiormente para que o festival de loucura acabe.

Eles se acham o inteligentão da sala por ouvir Rock mas, como se não fosse idiota o suficiente ter mais de 11 anos e se achar alguém por ouvir musiquinha tosca de país rico enquanto vive em um país tropical e pobre, tendem a ser repetentes e fracassados nas provas. São pessoas (será?) carentes que precisam urgentemente chamar atenção e se unir com outros desocupados cheios de problemas psiquiátricos a partir de um estilo estrangeiro idiota, vendendo a própria alma se for preciso para ser aceito no grupo de bobões e suprir o vazio da sua vida medíocre.

Atitudes de um rockeiro no ensino médio[editar]

Se você um dia for corajoso o suficiente para tentar se comunicar com esses seres, vai descobrir que eles possuem uma série de peculiaridades e dialetos que apenas eles entendem. A aproximação é difícil, ainda mais quando você não se parece com um deles (ou seja, se veste como alguém decente e age como alguém decente), mas a primeira vez sempre é a pior seja você como for. Olharão estranho para você do mesmo jeito que um índio olha para um cara-pálida. São seres muito fechados, possuem medo do mundo exterior pois acham que eles os julgam demais, mesmo se autoproclamando rebeldes e independentes. Se você observá-los de longe (e às vezes perto), você notará algumas coisas que todos possuem em comum:

Os deuses supremos dos rockeiros no ensino médio. Não ouse falar deles, ou senão, jogarão Toddynho em você e te xingarão no Twitter e no Facebook.
  • Falarão que o Slash é o melhor guitarrista do mundo, enaltecendo-o como um deus;
  • Falarão que Slipknot é a banda mais pesada de heavy metal (?) que existe;
  • As meninas falarão sobre a Avril Lavigne ou a Tarja Turunen;
  • Os meninos também falarão sobre a Avril Lavigne e a Tarja Turunen, mas o quanto elas são gostosas e o quanto batem punheta para elas;
  • Alguém citará uma música do Avenged Sevenfold;
  • Algum que sabe mais do que todo mundo ali falará sobre uma música "inédita" do Metallica que na verdade é do primeiro álbum, e todos na roda ficarão com uma interrogação estampada nos rostos.
A musa dos rockeiros punheteiros, Avril Lavigne. Inclusive, é moda entre os rockeiros no ensino médio tirarem fotos mostrando o dedo do meio, afinal, precisam mostrar que são rebeldes e contra a sociedade.
  • Algum babaca com camiseta do Guns n' Roses não vai falar de outra coisa além de Guns n' Roses;
  • Algum funkeiro entrará no meio da roda e zombar da cara de alguém;
  • Alguma guria retardada vai citar o Green Day como sua banda favorita;
  • Sempre, absolutamente sempre haverá alguém com uma camiseta do Metallica;
  • Um dos assuntos será algum artigo do Whiplash.
  • Outra guria retardada vai colocar uma música da Pitty no celular para todos ouvirem contra a própria vontade.
  • Ficam orgulhosos quando recebem cara feia da tiazinha quarentona.
  • Fazem cara feia ao ouvir outros estilos, mesmo curtindo. Sim, eles escutam uma forrozera ou outro ritmo popular (música de gente normal) escondido.

A fêmea[editar]

Assim como os machos, as fêmeas se isolam em grupinhos, onde conversam sobre Evanescence, Avril Lavigne, Green Day e raramente sobre Metallica. Vestem-se todas de preto, nunca de rosa ou outra cor que não seja preto ou escuro. Pela lógica, deveriam acasalar com os machos, porém esses são tão fracos e dependentes do próprio bando que elas preferem se pegar entre si fazendo o famoso rock das aranhas, o que acaba sendo mais prazeroso para a espécie, já que os machos fazem o mesmo entre eles. Algumas vezes, antes de deixar o Rosque de uma vez e virar gente, ocorre um fenômeno esquisito, onde deixam as camisetas do Avenged Sevenfold de lado, vão ouvir outro tipo de música lixo descobrem algo chamado sexo e acabam participando de novos nichos de fracassados, como grupos de rockeiros mais velhos, mais doidos e parasitas que os do ensino médio, que escutam bandinhas idiotas grupos de doido de black metal e merdas semelhantes.

Manual do Verdadeiro Rockeiro (sim, isso existe, infelizmente!)[editar]

Com o advento do YouTube, vários vídeos sobre qualquer coisa (qualquer coisa mesmo) surgiram. Veja esse vídeo toscamente editado (com letras brancas em fundo branco passando rapidamente e uma música enjoativa de fundo acompanhando imagens que passam como um slide de Power Point) onde você, querida leitora da Desciclopédia, aprende a se tornar uma rockeira de verdade.

A relação do rockeiro com as caveiras[editar]

Você deve estar se perguntando por que os rockeiros usam colar de caveira, camiseta com caveira estampada, mochila com chaveiro de caveira, meia de caveira, cueca de caveira, etc... A resposta é simples: A caveira não tem sexo. Não tem raça, nem cor. O rock aceita a todo mundo, independentemente de você ser branco, negro, pardo, amarelo, vermelho, Avatar, gay, hétero, bissexual... Emocionante, não?

Quando a verdade aparece[editar]

Reação após envelhecer e perceber o ridículo que era.
Ao lembrar do passado de ex-roqueiro.

Uma hora o cidadão envelhece, tem de pagar a primeira conta de luz, arranjar um emprego, procurar casamento com uma pessoa que não queira cortar os pulsos e não ser mais o bizarro do churrasco com os tios, quando aí que o trevozão percebe como era bicha ridículo, como isso de Rock é papo de doido e que se vestir de preto na escola estadual em pleno calor cearense era coisa de ET. Ai aja vergonha de si mesmo. Hora de colocar a cabeça em um buraco que nem um avestruz. Passado o baque do amadurecimento, é o momento de cair na primeira micareta, forró, pagode ou show de sertanejo. Porém, tente não virar um funkeiro gospel.

Ver também[editar]


v d e h
Piores seres
OS PIORES SERES DO UNIVERSO
Emo.jpg
Adultos que agem como criançasAntissociaisAteus de FacebookAvecsBasqueteirosBichos feiosBlackheadsBoleirosBolsominionsBródsonsBroniesBrasileiros que torcem pra ArgentinaBulliesCaipirasChannersChefesClubbersComunistasConservadoresCornosCrentesCrentes do cu quenteCrianças do YoutubeCultsDark NerdsDescíclopesDuckfacersEmosEscravocetasEsquerdistasFanboysFãs de UndertaleGachatubersKpoppersFascistasFaveladosFeministasFirstsFlammersFloodersForrozeirosFrom UK'sFunkeirosFurriesGamersGóticosGreasersGringosGrungesHatersHeterofóbicosHippiesHipstersHomofóbicosIncelsIndiesInimigosJ-RockersJogadinhosKarensLacradoresLiferulersLOLzeirosMachistasMaconheirosMadrastasMaGGotsMalandrosMetaleirosMicareteirosn00bsNarutardsNerdsNu PunksOlavetesOnanistasOs ManoOtakusPadrastosPagodeirosPatrõesPedófilosPedreirosPetralhasPichadoresPlayboysPlayssonsPobresPokemaníacosPolíticosPoopersPosersPunheteirosPiriguetesPunksRappersRegueirosRockeirosRockeiro no ensino médioSadboysSatanistasScreamosSertanejosSíndicosSkatistasSkinheadsSograsSogrosSonystasSurfistasTagarelasTalaricosTerraplanistasTrollstr00sTiozões RoqueirosTrutasUnderloversUniters · Universitários que falam topVagabundosVândalosVegetarianosVidas LokasWarnersWikipedistasX9's