Shoutmon X4-B

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Super clones.jpg
OShoutmon X4-B é um CLONE!O

...e aprova a pirataria!

Bréqui Zero.png
C3PO.jpg Este artigo é sobre uma MÁQUINA!

Ela sabe brincar, pular, cantar, destruir, esmagar e, no futuro, vai escravizar a humanidade e dominar o mundo. Então, cuide muito bem dela e não vandalize este artigo!

Cquote1.svg Você quis dizer: Cavalomon? Cquote2.svg
Google sobre Shoutmon X4-B
Cquote1.png Experimente também: Cavalo de ferro Cquote2.png
Sugestão do Google para Shoutmon X4-B
Cquote1.svg DIGIXROS! Cquote2.svg
Shoutmon X4
Cquote1.svg DIGIXROS! Cquote2.svg
Beelzemon
Cquote1.svg Muito foda esse ai, mas acho que ficou meio estranho Cquote2.svg
Você sobre Soutmon X4-B
Cquote1.svg Va se fuder, porque pra mim está muito legal Cquote2.svg
Taiki Kudou
Shoutmon X4-B é um personagem super-foda que vem da fusão do fodão Shoutmon X4 com outro fodão conhecido como Beelzemon que se unem seus poderes para formar SHOUTMON X4-B. Nessa forma Shoutmon ganha duas pernas, ficando como Cavalomon (LOL) sou quem é digiescolhido pode montar nele.

História[editar]

O bicho já se estreando.
Lucemon deveria ser o último vilão dessa bagaça, porque ele tinha que morrer tão logo!.

Quando Baalmon estava bancando Romeu e Julieta, a Julieta conhecida como Angewomon deu poderzinho para nosso anti-herói viver, fazendo com que Baalmon virasse Beelzemon, graças a isso Baalmon ficou foda na sua nova forma e fez a fusão com outro fodão conhecido como Shoutmon X4 e formou o SHOUTMON X4-B que mandou Mugendramon e Lilithmon pra onde o Judasmon perdeu as botas.

Shoutmon X4-B apareceu na luta também contra o Lucemon Bad Caído e deu um fatality daquelas na barriga do lorde, Lucemon ficou tão puto da vida que mudou para sua forma do mal (mas Lucemon assim como alguns digimons são apelões mesmo).

Então Taikizinho precisa do Beelzemon para fazer aquela fusão com seu Soutmonzinho.

Ver também[editar]

Este artigo ainda não é linnndo.
Ajude a Désciclo editando-o, meu rei. Ou não.