Super Mario Bros.

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Super Mario Bros)
Ir para: navegação, pesquisa

Nota: Esse artigo fala daquele jogo antigo de 1985. Se procura pelo série de jogos consulte Super Mario, se procura pelo personagem bigodudo consulte Mario (personagem)


Virtualgame.jpg Super Mario Bros. é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, KOS-MOS passa por alguns reparos.

Alexkidd-gen alexkidd jankendance.gif
Super Mario Bros. é da época da Velha Guarda dos Games

e só é conhecido por gamer raiz


Super Mario bosta Bros
Super Mario Bros. cover.jpg

Capa do jogo para NES

Informações
Desenvolvedor Não-intendo
Publicador Não-intendo
Ano 1900 e Guaraná com Rolha.
Gênero 2D
Plataformas Nintendinho, tão velho quanto o brick game.
Avaliação 10/10 para os nintendistas; 1/10 na real
Idade para jogar Todos podem jogar 10000 vezes até vomitar e o cérebro virar merda

Cquote1.png Você conhece o Mário?? Cquote2.png
Seu amigo engraçadinho sobre putaria atrás do armário
Cquote1.png TAM TAM PAM TAM TAM TAM TAM TAM TAM TAM PAPARA TAM TAMTAM PAAPRA TAM TAM Cquote2.png
Música chata e irritante da primeira fase do jogo
Cquote1.png MORRA MARIO SEU VIADINHO!!!! MWHAHAAHAHAHAHAHAHA Cquote2.png
Bowser dando uma de Saga.
Cquote1.png É a primeira vez que ela foi sequestrada, se isso acontecesse corriqueiramente seria estranho, mas foi só dessa vez Cquote2.png
Mario no primeiro jogo da Princesa Peach
Cquote1.png Se fosse eu que estivesse jogando eu nem precisaria derrotar o Bowser, já pegaria a Peach e sairia correndo Cquote2.png
Sonic sobre Super Mario Bros.
Cquote1.png Obrigado Mario, mas a Princesa está em outro castelo. Cquote2.png
Traficante do Toad sobre Princesa Bitch

Super Mario Bros., ou simplesmente Super Mario para as pessoas que tem preguiça de escrever "Bros.", é considerado o terceiro jogo do safado que queria mesmo é comer a princesa encanador bigodudo parente do Dr. Robotnik e do Baixinho da Kaiser. Como 99% dos jogos seguintes do Mario que ainda seriam produzidos, esse é mais um em plataforma 2D onde os inimigos (se é que podemos chamar criaturas cabeçudas sem mãos que se movem horizontalmente de inimigos), embora inúteis, são mais elaborados do que um gorila tarado gigante primo de 3° grau do king kong.

Embora o jogo seja sem graça e bem fracassado, a Nintendo quis se recuperar do fracasso do jogo e lançou uma versão para DS e posteriormente uma para Wii.

Estranhamente, apesar do "Bros." no título, o Luigi não aparece no jogo, então fica a pergunta, quem é o terceiro irmão do Mario? Seria o Stalin ou o Saddam Hussein?

Jogabilidade[editar]

Mario enfrentando seu pior pesadelo.

No longínquo 1985 a indústria dos games era completamente revolucionada pelo surgimento desse novo tipo de jogabilidade totalmente inédita. Controlando um encanador que se excedeu no consumo de drogas (cogumelos alucinógenos) o jogador deve andar para frente e atravessar cenários repletos de buracos e blocos flutuantes. Era inventado o gênero de jogos de plataforma no qual todo e qualquer conhecimento acerca de leis da física, fundamentos da biologia ou lógica de química seriam completamente desprezados. As coisas levitam, os buracos são infinitos, você é capaz de pular 3 metros de altura, uma imensa balbúrdia que fez muito sucesso.

Enredo[editar]

Um dos traficantes de Toad mostrando a burrice de Mario.

Tudo estava bem no Morro dos Cogumelos Alucinógenos, um lugar mágico onde as pessoas se drogavam frequentemente com chá de cogumelos e algumas ervas locais. O traficante oficial do morro, Toad, estava em guerra com o traficante da favela não muito distante dali, um tal de Bowser, pois Bowser queria metade dos cogumelos que eram vendidos para Toad. Toad não aceitou a proposta alegando que Bowser jamais vai ter açgum cogumelo alucinógeno da favela dele.

Bowser fica puto pela recusa e como retaliação decide sequestrar a prostituta de estimação daquele palácio e acabar com a diversão dos traficantes de cogumelos, mas o que ele não esperava é que aquela biscate oferecida na verdade era a princesa do reino, mas isso deixou Toad igualmente furioso mas sem saber o que fazer para resolver esse grave problema.

Já que Toad nunca foi muito esperto, afinal ele tem um cogumelo no lugar do cérebro, ao invés de ligar para a polícia ele decidiu chamar um encanador e seu irmão mafioso para resgatar a princesa Peach, prometendo para ele como pagamento um estoque vitalício de Cogumelos alucinógenos para o resto da vida. Como o emprego de encanador, como visto no jogo anterior Mario Bros., não era muito bom, os irmãos aceitam o trabalho de ir salvar essa putinha.

É claro que durante sua aventura Mario vai consumindo um ou outro cogumelo perdido, e vai ficando tão chapado que sempre vai no morro errado, o filha da puta se ferra todo apenas para resgatar um dos traficantes de Toad que sempre falam a maldita frase: Obrigado Mario, mas a Princesa está em outro castelo. Isso faz com que você tenha que reiniciar a busca em uma nova favela até achar a favela correta onde está o Bowser correto com a princesa cativa.

Inimigos[editar]

Buraco infinito se dando bem contra Mario mais uma vez.
  • Buraco Infinito - O maior temor de todos os jogadores de Super Mario Bros. e principal inimigo do jogo, sempre levam os jogadores a xingarem a mãe do buraco e socando a tela. Quando alguém presencia uma queda estúpida num desses buracos, é normal também presenciar o jogador em questão culpando o joystick (defeituoso), a procedência pirata do jogo ou mesmo a crise do petróleo como justificativas para sua própria estupidez.
  • Goomba - De todas as Criaturas do Universo Mário, os gombas são os mais inúteis. Para derrotar é só pular sobre ele esmagando com a sua gordura, sem contar que eles caminham em direção aos buracos. Apesar de burros, lentos, pequenos e inúteis, sempre tem um jogador idiota que comete a burrice de esbarrar neles, resultando num xingamento qualquer em voz alta e, em algumas vezes, num joystick jogado longe.
  • Koopa - As tartarugas mongoloides que ficam indo de um lado para o outro, as mais inteligentes são as vermelhas, pois essas não são cegas a ponto de não enxergar o buraco. Alguns exemplares desses bichos desgraçados aprenderam a voar (ou saltitar com estilo, como galinhas) e daí sim tornam a vida de Mario um verdadeiro inferno.
  • Blooper - Seres marinhos que são da fase aquática. Também são chamado de FILHO DA PUTA! quando o jogador morre para eles.
O sonho de Mario após encher a cara.
  • Hammer Bros. - Or irmãos-martelo têm esse nome porque geralmente atacam em dupla e também possuem a habilidade de arremessar martelos pelo cu pelas mãos. Nunca saia de casa sem uma vida extra ao ver um deles!
  • Lakitu - Um FDP que fica voando numa nuvem e jogando criaturas com espinhos em você. Em algumas versões, parodiando o game GTA, Mario pode roubar a nuvem dele e sair por aí "pagando uma de patrão".
  • Bala Perdida São balas perdidas de AK-47 que os Campers da favela usam para (tentar ou não) matar Mario, porém Mario pode dá uma de Neo e conseguir desviar e até mesmo pular em cima delas.
  • Piranha Plant - Plantas carnívoras que vivem em canos, algumas cospem bolas de fogo e ficam entrando e saindo (ui!) para infernizar a vida do jogador.
  • Bowser - Um grande cafetão e vilão principal do jogo e também o mais odiado. Ele ataca atirado fogo pelo cu pela boca e (quase) sempre cai na lava.

Super Mario Bros. Special[editar]

Depois da criação do PC caixotão a Nintendo autorizou que a Hudson Soft fizesse um port do jogo pro PC, surgindo assim o Super Mario Bros. Special. Alguns estudiosos no assunto, como Padre Quevedo, duvidam da existência do jogo pois a farsa pode ser detectada uma vez que o jogo não foi criado por Miyamoto. As fases na verdade são as mesmas de Super Mario Bros., só mudando a ausência de brilho e cor além da mudança da profissão do Mario que nesse port trabalha de entregador de pizzas.

O jogo introduz várias características marcantes da série Super Mario, como os fatos de conseguir pular 10 vezes a sua altura e pular na cabeça de bichos esquisitos, além de correr a 105 km/h e acelerar de 0 a 100 em 1.5 segundos.

Itens Inéditos dessa versão incluem:

  • Hachisuke - Uma abelha que dá 8.000 pontos, apesar de sabermos que pontos são inúteis no jogo.
  • Hammer - Aquele mesmo martelo usado para ownar os barris do Donkey Kong.
  • Clock - Item essencial, oferece mais 100 segundos, apesar de cada segundo no jogo valer o dobro dos segundos no mundo real.
  • Wing - Item que permite Mario patinar no ar.
  • Calcinha da Princesa - Itens objetivos do jogo.