Tapa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Sonic VS. Mario.JPG ROUND ONE... FIGHT!

Este artigo envolve algo relacionado a brigas. Se você é homem o suficiente para encarar, vá em frente, mas não se esqueça de levar gelo!


Cquote1.png Não se junte com essa gentalha! Cquote2.png
Dona Florinda sobre tapa.

Sem qualquer aviso... mas quem mandou...

Tapa, pode esquecer, não é nada disso. Tapa é uma agressão mais leve do que um soco... O que não significa que um tapa do Minotauro seja mais fraco do que um soco seu, mas a regra geral é que os tapas sejam mais fracos do que os socos. Prova disso é que as gurias são mais de dar tapas, a não ser aquelas possuídas, que então, parecem mesmo carinha brigando, mas isso não conta.

Palmas agressivas(ou não)[editar]

Patada Tapa amigável.

Bem ao contrário dos socos, que são de mão bem fechada, simulando mesmo uma pata, ao tapas são com a mão totalmente aberta, costumam dar um ardenciazinha ao invés de doer e, ao menos em teoria machucam bem menos, e as marcas são mais fracas e saem logo, até no mesmo dia. Isso tudo não quer dizer que a pessoa que manda o tapa esteja menos raivosa do que quem dá soco, pois muitas vezes é um festival de tapas um após o outro, a conclusão é que é relativo, pronto, depois de admitido, continuando: Um tapa de alguém pode valer dez de outra pessoa, ou nem isso, é mesmo relativo, pode fazer mais estrago que o soco que é mão fechada mesmo. Modo de dizer, soco é mão fechada, mas não economiza em porrada.

Palmas se batem quando se gosta de algo, mas as palmas que batem em alguém ao invés de bater na outra mão, são por não gostar de alguém e/ou de algo que a pessoa fez. Mas como tapa é mesmo muito relativo, algumas pessoas gostam, por exemplo de levar tapas na bunda... Vai entender, apenas obedeça, até certo ponto. Tapas podem ser nem tanto por essa sem vergonhice curiosa, mas podem ser também como incentivo, tapas revelam mesmo muito sobre o modo dos macaquinhos, por isso mesmo, digo pela milésima vez que tapa é muuuuuuuuuuito relativo.

Tapas nada mais são do que empurrões com a mão aberta, a diferença é que a mão é empurrada antes de chegar ao ponto, de modo que ao chegar causa um impacto. Se encostar antes de empurrar já não será um tapa e apenas um empurrão de fato, mas para ser um tapa é preciso empurrar algo invisível antes de chegar ao objetivo.

Bate aí[editar]

Tapas de incentivo, sempre deixam feliz.

Um tapa dado como cumprimento, é dado de mão em mão, mas nesse caso, novamente, é um tapa amigável. Muitas vezes começa com esses tapas amigáveis e terminam como os não amigáveis, evoluindo mesmo para as patadas conhecidas como soco, mas daí a mão já fechou e antes que alguém feche o cu, a briga já teve início. Tudo pode começar com um tapa e terminar em vários, que são também por algumas pessoas, chamados de sopapo, pé de ouvido, quando é dado na orelha: Esse é bem desgraçado se for dado nas duas orelhas simultaneamente, fuja dele.

Tapas que terminam bem, apesar de começar mal, é quando manda-se a mãozinha danada, sem querer é claro, em coisas gostosas, e depois é contemplado com uma mãozinha ofendida na cara... O melhor vem depois, passa um tempo, às vezes no mesmo dia, quando, explicado lá em cima, até a marca já estar saindo e quem te agraciou com o tapa, ir falar com você... Que deve jurar com a maior cara de pau inocente que foi sem querer, ou ao menos que foi quase involuntário... Pode depois disso ganhar beijocas e até mandar a mão de novo, sem levar com a mão na cara dessa vez.

Ver também, mas não de perto[editar]