The Sims 2

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg The Sims 2 é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, um Chefão faz mais uma vítima.


Os Sims 2
The Sims 2 - Erotic Dreams.jpg

O principal pacote de expansão do jogo

Informações
Desenvolvedor Maxis
Publicador Electronic Arts
Ano 2004
Gênero Simulador de vida fodida
Plataformas MS-DOS
Avaliação Uma porcaria
Idade para jogar Livre

Cquote1.png Olha! Eu to controlando o meu Sim! Cquote2.png
Você ao perceber que a jogabilidade é muito melhor que a merda do seu antecessor

The Sims 2 é um jogo criado pela Maxis para um público de gurias retardadas em geral, sendo até hoje aclamado como um dos melhores jogos da série The Sims, um jogo tão maravilhoso e tão amplamente elogiável que faz você perder todo o tempo da sua vida na frente do maldito computador sem deixar você nem ir ao banheiro ou almoçar com a família para que você faça bonequinhos virtuais irem ao banheiro e almoçarem com a família, tudo para após 100 horas de gameplay construindo uma casa você enjoe do jogo instantaneamente e nunca mais o jogue nem que lancem uma expansão nova. A Electronic Arts, distribuidora do jogo, tinha a intenção original d que o The Sims 2 pudesse ser uma maneira universal de se comunicar com vida alienígena inteligente, porém baseado nas informações exibidas pelo jogo sobre como humanos supostamente se comportariam, os aliens decidiram que não havia nenhuma vida particularmente inteligente no sistema solar e foram concentrar esforços em alguma outra coisa.

The Sims 2 foi em 2004 um enorme celeiro de diversões para uma multidão de crianças de idade mental de 12 a 17 anos de idade, geralmente meninas adolescentes que não podiam frear seus desejos consumistas de pseudo-patricinhas, porém eram pobres o bastante para ter que fazer isso apenas num mundo virtual. Outro público alvo são mães solitárias de meia-idade que não sabem ou se recusam a aprender a jogar qualquer outra coisa e que também possuem tendências consumistas.

Desenvolvimento[editar]

Um dia, uma das expansões do The Sims 1 ficou com frescura demais e se achou superior às outras, começando assim um plano diabólico para dominar o mundo. Depois de se clonar e vender mais de 89 milhões de cópias, The Sims 2 se auto proclamou imperador do mundo a continuação do The Sims. Porém, depois de descobrir a farsa, a população mundial sagazmente boicotou e hoje o The Sims 2 está deprimido pois ninguém gosta mais dele, então virou jogador de tibia emo.

É cogitado graças a essa controvérsia uma expansão, onde os Sims do 1 e do 2 irão batalhar utilizando de bolotas de fumaça (muito utilizadas em brigas surubas de dois únicas do jogo, não tente fazer em casa ) cascas de bananas e outras coisas fatais e explícitas típicas de jogos onde bebês nascem sem sangue e não tem a opção contratar putas quando você clica no carro.

Jogabilidade[editar]

The Sims 2 trata-se de uma realidade alternativa criada por Will Wright em 2004 como uma versão "melhorada" do primeiro The Sims 1.

Realismo em primeiro lugar. Quem nunca viu um velho pervertido molestando a empregada doméstica?

The Sims 2 apresenta um novo universo totalmente tridimensional, cuja principal novidade em relação ao primeiro jogo foi a possibilidade de oferecer aos jogadores uma ampla oportunidade de criar Sims muito mais detalhados, de modo que se assemelham aos seus amigos, famílias, professores, ídolos, com a finalidade de colocá-los para transar, ou matá-los.

O jogo está repleto de qualidades viciantes, como a possibilidade de fazer Sims lésbicas se pegarem. Surpreendentemente, acredita-se que o sexo lésbico presente no jogo foi o primeiro chamariz na história que recrutou as primeiras gamers meninas que se tem notícia, uma conexão que muitos não teriam suspeitado. Alguns dos outros novos recursos que o jogo oferece é que agora os bonecos envelhecem, havendo portanto um Game Over, e que suas memórias são preservadas, porque nada poderia vender mais que um jogo que nos presenteia com o esmagador tédio de envelhecer e de enquanto isso ser relembrado incansavelmente de episódios passados ​​em que papai se afogou na piscina ou em que mamãe teve um caso com o entregador de pizza.

Outro fator inovador foi a inserção do nível de aspiração, no qual o Sim possui um medo e um desejo, o que regula a felicidade. Desse modo é possível definir a personalidade do boneco, que pode variar de um ninfomaníaco até um sovina.

Pacotes de extensão[editar]

The Sims 2, seguindo a tendência da série, é lotado de Pacotes de Expansão, que são um modo singelo da Electronic Arts lucrar absurdamente extorquindo de modo corriqueiro os fãs da série ao cobrar dinheiro para oferecer pequenos bônus que já deveriam vir originalmente inclusos no jogo, enquanto progressivamente oferece cada vez menos a cada nova expansão. Não estranho o somatório de todas expansões de The Sims 2 forneceu muito menos conteúdo do que o The Sims 1 ofereceu com toda a sua gama de pacotes de expansão disponíveis.

Uma boa oportunidade de acabar com o sofrimento de jogar isso, oferecida por alguma expansão.
  • Vida de Universitário - O primeiro pacote de expansão procura levar os jogadores o mais longe possível das tediosas casas de seus Sims e enviar os adolescentes da casa para uma de três faculdades disponíveis, nenhuma das quais os jogadores terão tempo para explorar por completo nos restritos horários de aulas teóricas que duram todos os dias e noites e exames finais que ocorrem a cada três dias. A experiência completa da vida universitária está disponível nesta expansão para deliberadamente deprimir os jogadores com a rotina de comer macarrão instantâneo nas três refeições diárias, fazer cortes de cabelo imbecis e passar o resto de suas vidas mergulhados em dívida. Para animar uns aos outros, os Sims que sofrem a tortura de frequentar essa Universidade podem dançar nus ao redor dos outros como nova forma de "cumprimento".
  • Vida noturna - O pacote de expansão mais emocionante que a Maxis pode produzir e que permite aos Sims dos jogadores ir a boates e tentar pegar alguém na maior promiscuidade, ficar bêbado e ser preso por conduta desordeira. Os Sims agora também podem "dirigir" carros automáticos que não só permitem que seu motorista adormeça ao volante sem bater (assim como falar no celular que comprou na Universidade), porém a desvantagem desse carro automático é que ele demora seis horas para chegar a qualquer destino, mesmo que o destino esteja no mesmo bairro.
  • Bichos de Estimação - Um pacote de expansão absolutamente idêntico ao pacote de expansão lançado cinco anos antes mas que estranhamente não está no jogo original da continuação, precisando dessa gastança de dinheiro. Agora os adoráveis animais de estimação vêm em todas as cores, e todos dotados de um incrível prazer em destruir móveis, fazer xixi dentro da casa, fazer barulho, cavar buracos no quintal, uivar sem parar, comer lixo, trazer pulgas para dentro da casa, rolar na sujeira, desobedecer comandos, atacar seus próprios proprietários e espalhar raiva. Reitarando o principal slogan da série "Mais uma vez, como a coisa real!"
  • Aberto para Negócios - Pacote que permite que os Sims agora atinjam a falência enquanto perdem todos os seus amigos e se tornam párias da sociedade tentando gerir seus próprios negócios falidos (exatamente como na vida real) em troca de crachás de ouro (ao contrário da vida real). Os Sims podem agora experimentar toda a diversão e empolgação de um trabalho de varejo de salário mínimo (ao mesmo tempo em que eles devem estar na escola), incluindo lidar com clientes mal-humorados, limpar as prateleiras e manter os vasos sanitários limpos. Seus Sims solitários não serão mais solitários agora que há a nova habilidade de fazer dróides conhecidos como SexBots, que cozinham, lavam e não fazem bullying com você.
  • Quatro Estações - Com este pacote é introduzido no jogo o clima e as estações do ano, mas principalmente chuva de granizo que passa a cair todo dia, exatamente como na vida real. Novas atividades enfadonhas estão disponíveis como jardinagem, pesca, varrer folhas e ser atingido por um raio, uma diversão tão grande que garante que o jogador jamais irá reclamar do preço alto de tal pacote. O novo objeto oferecido agora é um espremedor que permite aos Sims desfrutarem de doces saborosos como um suco de calda recém-amassada puré.
  • Bon Voyage - Pacote que permite que seus Sims saiam de férias, assim como fizeram cinco anos antes em The Sims Vacation mas se negaram a colocar isso no jogo The Sims 2 original, tudo para que a Electronic Arts possa ganhar seu dinheiro enquanto você também desperdiça todo seu dinheiro virtual para custear caríssimas hospedagem para andar de picape, ser picado por abelhas, ser cagado por gaivotas, contrair uma doença tropical e retornar das férias com jet lag. A característica principal do pacote Bon Voyage é o aumento em 500% de telas de loading.
  • Tempo Livre - Este pacote de expansão foi originalmente conhecido como "Get a Life" para lembrar o jogador que realmente há mais na vida do que este jogo. Caso o jogador de hardcore Sims tenha se esquecido de atividades fora do jogo, este pacote de expansão inclui atividades como costura, basquete, cerâmica, restauração de carros antigos, criação de blogs e muitas novas carreiras imbecis. É claro que, para a maioria dos Sims, não há tempo livre entre a escola/trabalho, dormir, mijar e a luta incessante para elevar sua pontuação de humor, o que é ainda mais gratificante do que qualquer uma dessas atividades novas desse pacote.
  • Vida de Apartamento - Um pacote de expansão que vem com mais lixo inútil, incluindo uma cama mortal que pode matar seu Sim (como na vida real). E se isso não é suficiente, ele vem com bruxas que podem propositadamente fazer um Sim ser perseguido por abelhas. Os jogadores podem agora desfrutar seres acordados às três da manhã pelos latidos do cachorro do vizinho. No lado positivo, se o seu Sim é um pobretão incapaz de comprar comida, ele pode sempre roubar comer a comida de um companheiro de quarto, ao contrário de comprar mantimentos, novamente exatamente como na vida real.
v d e h
The Sims logo.png