Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Hammer and sickle.png Este artigo foi aprovado pelo Conselho de Proteção à Moral da Família Soviética como sendo livre de conteúdo subversivo.


Cquote1.png Você quis dizer: Universidade Comunista do Triangulo Mineiro Cquote2.png
Google sobre Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Cquote1.png Você quis dizer: Universidade Feminina do Triangulo Mineiro Cquote2.png
Google sobre Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Cquote1.png Isso non ecziste!!! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre os cabelos do Reitor Virmondes
Cquote1.png Isso non ecziste!!! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre sobre o campi da UFTM
Cquote1.png Isso non ecziste!!! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre sobre heterossexuais e pessoas normais na UFTM
Cquote1.png Isso ecziste!!! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre sobre a presença de mulheres com "sacola" na UFTM
Cquote1.png É uma armação do DCB! Cquote2.png
Reitor Virmondes sobre a citaçao acima
Cquote1.png O que o amor controi a UFTM destroi! Cquote2.png
Veterano sobre os namoros de novas bixetes
Cquote1.png Na UFTM 7 é 10!!! Mas ainda prefiro de 4!! Cquote2.png
Nerd frustrado sobre sobre a média ser 7 e nunca tirar 10 - e sobre sexo
Cquote1.png Qual serviço público é bom no Brasil? Cquote2.png
Stephen Hawking sobre sobre a UFTM
Cquote1.png É mentira!!! Cquote2.png
Fabricio Araújo sobre sobre sua formação em serviço social

Introdução[editar]

A UFTM (Universidade Fudida de Tanta Merda), mais conhecida como Escolinha do Abadia, é uma universidade localizada em Uberaba no estado do Triângulo. Sua origem remota é da FMTM (Faculdade de Merda do Triangulo Mineiro).

Louco Local

Famosa pelas suas festas regadas a mulheres bigodudas, com cecê nos peitos, e pelas bebidas estranhas que usam como ingrediente principal sêmen humano e de bubalinos (búfalos - para os alunos da uftm que não sabem o que significa bubalinos), ainda sim ela é famosa pelo Bixurrasco (Parada Gay Uberabense), festa destinada ao público GLS, presente em grande quantidade na universidade. Nessa, os atos de sexo homosexual são explicitos, com o objetivo de que as novas bixas se sintam integradas. Possuindo altos índices de goianos e PAUlistas. É rival da UNIUBE, mesmo apesar de ser uma federal, não compete com as demais.

Placa da entrada do Campus
O amanhecer de uma festa da federal

Os homens da UFTM, devido a alta presença de mulheres "ensacoladas" em sua universidade, bem que tentam pegar as meninas da UNIUBE, mas sempre levam fora e acabam migrando para o lado homoafetivo. Existem festas todos os dias para todos os tipos de pessoas, como ets, retardados, esquisitos, doentes E pobres. Existem as festas tradicionais aonde a anos se seguem os mesmos ritos como a Bixopada aonde o bixo é servido para serve o veterano... ou outras como a bixonigth aonde o bixo é leiloado a 5 centavos, vc paga so para sorrir e encher os bolsos do DA de medicina, e paga caro pela bebida... mas tbm possui outras boas festas como a guerra dos sexos onde as prostitutas dançarinas e as tequileiras fazem a festa da galera.

bixo abusado
veterano para um bixo

Entre as tradições existentes na UFTM existe a tradiçao do troca, em que veteranos dão o cú para suas bixas, e bixas dão o cu para seus veteranos, tudo, é claro, em nome da integração.

História[editar]

- Pré-história: O prédio da Faculdade foi construído por volta de 1450 A.C. , por dois seres estranhos que até hoje se suspeita serem Adão e Eva. Edna Valim e Vicente Teixeira desembarcam em terras mineiras com outros dois seres da época dos dinossauros, Roseli Pelancassauro Gomes e Claudio Chupetassauro Simon. Após décadas de reconhecimento do local e com mentalidades autoritárias, resolveram construir uma cadeia para aprisionar os nativos da região que não se submetiam aos seus comandos. Houve então um motim no local, onde os 3 rebeldes Jonas, Júlio e Geraldo, sob a influencia da moda de Caça às Bruxas na Europa, tentaram incendiar os cabelos de Edna Valim. Desgostosa com o fato, Edna ordenou Vicente a matar todos os presos, jogar os corpos em tanques no fundo da cadeia, e colocar os 3 respectivos rebeldes como seus funcionários. - Idade Média: Séculos depois, JK, um médico careca que viria a ser avô de Virminha Jr, achou a cadeia muito feia e resolveu dar um toque de beleza no local humm boiola  : transformou-a em Faculdade de Merda, mandou Vicente ir cuidar dos seus dinossauros em Peirópolis, e casou-se com Edna que virou Senhora Feudal, soberana do Feudo DCB (Departamento de Ciências Bissexuais) por muitos anos.

JK com os primeiros professores: Hial, Vander e Omar

- Idade Moderna: Cansado das maldades de sua avó, Virminha, neto bastardo de Edna e JK, resolve aplicar um golpe, conhecido como a noite das carecadas, ao som da música “é dos carecas que elas gostam mais”. Tripudiando sobre seu velho amigo e escudeiro Eddie, assume o poder, põe fim ao feudalismo do DCB, e cria a UFTM, sob aplausos dos estudantes, dizendo “eu fico! e prometo dar o cÚ, ops, o RU para todos vocês”. O busto de seu bisavô careca JK encontra-se aberto para visitação na entrada do Campus I. - Dias atuais: Os professores da UFTM ainda praticam técnicas modernas como o absolutismo monárquico, pois os mesmos mandam e desmandam sem que nada os aconteça. Os professores são tão autoritários que certa vez um aluno largou o curso de MERDicina devido ao fato de que um professor o coagiu a virar heterossexual. Ali, reina o poder vitalício.

Organização[editar]

- Reitoria (Pau de galinheiro): localizada no 4º andar do CEA, funciona como o Congresso Nacional, se você procurar alguém para reclamar, nunca vai achar, e vão te mandar falar com a pit bull assessora Rosa, do Virminha. - Institutos: existentes apenas no papel, os Institutos tem mais siglas do que os planetas descobertos pela NASA, e ninguém sabe o que significa. - CEA: prédio estilo a casa dos 3 porquinhos, possui um elevador que para na metade do andar, no intuito de matar alunos e doar seus corpos para a Anatomia. - Campus (nunca vi, nem comi, eu só ouço falar): com aproximadamente 107 imóveis estilo “casa mal assombrada” espalhados pela cidade e alguns no meio do mato, os alunos fazem caminhadas constantes para chegar aos locais de aula suados e com sono. Cogita-se criar um teleférico ligando o CEA ao Campus novo, com vista para o necrotério do hospital. - Campus I: Campus? Cadeião na verdade, antiga FMTM e casa de Edna Valim. - Campus “novo”: outro prédio mal estruturado, que não tem ar condicionado e sequer banco para assentar, permite presenciar sons estranhos no período noturno (de violão, vaca mugindo, gente metendo) em meio à fumaça ou neblina advinda dos malucos beleza do local

campus da UFTM em um dia de reuniao dos maluco beleza

.

- Hospital Escola: Uma excelente escola onde os médicos brincam de professor com as enfermeiras nos plantões de madrugada; onde também os professores do sexo masculino fazem aulas práticas de urologia com outros professores do sexo masculino. - NAE (Nada A declarar ao Estudante): criado por Virmondes e seu ministro Leboreiro, distribui cartões de alimentação que são aceitos apenas na China comunista e no Geraldo’s Scot Bar (caso queiram comer uma puta). - Puteiros (hááá, pegadinha do malandro): com índices acima da inflação de mulheres cú doce, na UFTM você não vai comer ninguém a não ser que apresente seu numero de CRM ou a camionete emprestada pelo pai do primo do amigo que estuda na Fazu.

Festas[editar]

Famosa pelas suas festas regadas a mulheres bonitas e bebidas estranhas (bebeu-morreu, disco voador, turbilhao, sininho, agua de cáca, suco do pantano e derrame), detém como a mais famosa festa o Bixurrasco, festa que não tem churrasco, mas que os bixos (ou bixas) entram no espeto, sendo completamente conceituada na região. Festa do Membro Inferior e Entrando na Pelve são típicas festas organizadas por bixos incompetentes, onde só se vê crianças babando ovo e isoladas em grupinhos e uma alta presença de piriguetis querendo saber como é a noite longe de casa. Alvo constante de cornos da FAZU. Existem festas todos os dias para todos os tipos de pessoas, desde a famosa fumaçao de erva em algumas republicas bem conhecidas, até a distribuição de suquinho para as puritanas que moram no pensionato de freiras... Existem tambem as festas tradicionais aonde há anos se seguem os mesmos ritos como a Bixopada aonde o bixo é servido para o veterano... ou outras como a bixonigth aonde o bixo é leiloado a 5 centavos, vc paga so para sorrir e encher os bolsos do DA de medicina, e paga caro pela bebida... mas tbm possui outras boas festas como a Guerra dos Sexos onde as prostitutas dançarinas e as tequileiras fazem a festa da galera. E para finalizar o semestre, tem a Festa Fim de Periodo, onde todo mundo fica facim facim, pois as mulheres que fizeram cu doce durante o semestre não bejaram ninguém e estão desesperadas... se torna então uma excelente oportunidade para você pegar quem você não pegou durante os 6 meses que se passaram ou rolar aquele flashback bruto que vai terminar lá no selva motel.


Áreas[editar]

- Área da Saúde: composta por 95% de mulheres e 5% de homens. São mulheres por sinal muito gostosas, mas cuja beleza aumenta proporcionalmente ao aumento do cú docismo, ou seja, são grandezas diretamente proporcionais. Dentre os 5% de homens, 2% são homossexuais assumidos, e o restante tenta pegar as mulheres mas não conseguem e morrem sempre de pipiu duro nas festas.

- Área de Humanas: composta por 50% de mulheres e 50% de homens. São mulheres muito mais fáceis, e também muito mais feias ou lésbicas. Dentre os 50% de homens, 90% adotam o estilo Raul Seixas maluco beleza de ser, e os demais 10% são indefinidos que querem queimar a roela no bixurrasco. Os dois públicos adoram cheirar um beque do bem, e andar estilo hippie, descalço e fedendo pela cidade sem contar que curtem fazer um movimento mesmo sem ter a minima ideia pelo que reivindicam.

festinha na FAZU com os alunos típicos de lá

- Área de Exatas: composta por 90% de homens e 10% de mulheres. Não são mulheres de bigode e sim mulheres gostosas de fácil acesso (Graças a Deus). Já os 95% de homens, passam o dia pegando as mulheres da área da saúde e correndo das "mulheres" das humanas principalmente em dia de noite de lua cheia onde elas entram no cio.

- Área da Engenharia: composta por 80% de homens e 20% de mulheres. São mulheres bem distribuídas: metade é macha e outra metade sapatão, assim dizem os homens e mulheres que sonham em pegar alguma mas nao conseguem por saber que mulher engenheira da valor na inteligência coisa que elas só encontram na engenharia por isso o fluxo de casais formados por (mulher engenheira) x (outro curso) é pequeno na UFTM. Dos 80% de homens, 50% não sabem ou nunca falaram com cocotas (viciados em jogos, bronhas por natureza), o restante foi a salvação da saúde, desenvolveram uma camisinha diet, e assim cú docismo nunca mais foi o mesmo ...

Pontos Importantes[editar]

- Laguinho do CEA: com carpas gigantescas do período cretáceo! - Reitoria: nada como sentar no único sofá da faculdade e ler livros sobre engenharia naval! - Bar do Turco: happy hour regado a coca-cola vencida! - Pensionato da Tia Helo ou Dona Felicia: bixetes a pronta entrega! - Escada do 3º andar do Campus “novo”: local ideal para fazer aquela suruba 0800! - ICTE : Local ideal para avistar animais selvagens e fumar uma verdinha.