Vale-abraço

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
A 51.jpg


EaAaAaEeEeE Le$k!

EsTe ArTiGo É pLaY$$oN!!!! iH u LeSk kI i$cReVeU aChA kI tU eH uM mAuRiÇoCa!!!!!

tiuPar!

Cquote1.svg Foi minha família real chinesa que inventou isso! Cquote2.svg
Dany Cheng, mentindo sobre o vale-abraço

Cquote1.svg Coisa de emos... Cquote2.svg
Chuck Norris, sobre o vale-abraço

Cquote1.svg Você nunca ganhou um vale-abraço!!!! Cquote2.svg
Materazzi para Zidane, na final da Copa do Mundo de 2006

Cquote1.svg Odeio! Cquote2.svg
Politécnico, sobre o vale-abraço

Alguém quer?

Cquote1.svg Só gosto quando é um homem roludo que me dá! Cquote2.svg
Politécnico, tentando arranjar um homem roludo que lhe dê o vale-abraço para depois dar outra coisinha ao homem roludo

Cquote1.svg Não tinha lá no espaço Cquote2.svg
Marcos Pontes sobre o vale-abraço

Cquote1.svg Eu bato e mato quem não me abraçar Cquote2.svg
Bianca sobre o vale-abraço

Cquote1.svg Isto non ecziste. Cquote2.svg
Padre Quevedo sobre o vale-abraço

Cquote1.svg Vale, vale, vale, compro, vendo!. Cquote2.svg
Vendedores de vale do Centro

Vale-abraço é uma coisa que algum desocupado solitário que provavelmente não tinha acessório para bater punheta inventou. Ela consiste em alguém nas mesmas condições que o infeliz que inventou isso dê um papel escrito vale-abraço para alguma pessoa. A pessoa que receber é obrigada a dar um abraço na pessoa que deu, mesmo que a odeie e deseje a sua morte, tornando assim a pessoa suportamente menos solitária, mas não resolvendo o problema, pois é uma solução que apenas tampa o buraco com a peneira.

Patenteamento[editar]

Americanos estão tentando patentear o vale-abraço, mas, caso essa ameaça se concretize, em breve a Coréia do Norte do ditador Kim Jong-Il os atacará. É para tal guerra que o país está realizando testes nucleares como teste para essa futura guerra.

Entretanto, o Vale-Abraço é uma ferramenta útil e eficaz, por vezes eficiente e detentora de utilidade, na ampliação e intensificação das relações sociais num grupo, que matém e permanece unido, ficando unido como antes, mas com mais união. Em muitos casos, psicólogos usaram, com propriedade, essa ferramenta, na tentativa de obter melhores resultados no tratamento de timidez de pessoas tímidas, ou mesmo acanhadas, ou ainda as que possuem pouca ou nenhuma extroversão. Os resultados foram excelentes.

Atualmente[editar]

Atualmente, há uma corrrente administrativa que utiliza o Vale-Abraço na melhora do processo de relações humanas empresariais, visando que elas fiquem melhore, com pessoas mais unidas e bem-humoradas nas equipes de trabalho, serviço ou atividade profissional, também empregos, vulgarmente "trampo".

História[editar]

Há uma lenda que diz que o Vale-Abraço original, o primeiro cartão, após ter chegado à China, passou pela Ucrânia, pela Zirkutânia-Beresbróvna do Leste, permaneceu alguns meses na Coréia. Atualmente, está em algum lugar na conturbada fronteira do Zirguistaão com o Burukutumetão.